Who owns the throne? DeFi.

in GEMS2 months ago

This publication was also written in SPANISH and PORTUGUESE.

defi01.jpg

Personal Financial

Within the cryptocurrency market, the sector that has been growing at a fast pace and fueling the buzz around everything it is capable of doing, is DeFi. According to a research made by The Block, the data reveals that decentralized finance brings the best exponential numbers for popularization and accessibility in this multifaceted segment, which is one of the strongest arms of blockchain technology.

The possibilities of creating new projects and the opportunities for benefits that this field can offer / generate is immense, and because of that, the result of this research is so important. The native tokens of many DeFi projects had a more linear growth, especially in relation to prices, this year. In addition, financial projects showed a trend of continuous expansion, as is the case of Aave and Sushi (which recently had profits of 4x and 6x their tokens, respectively).

Not only have the values ​​of Defi tokens increased, but so has the use of products that have been created based on this option in the past two months. On average, the values ​​that the DeFi segment has in relation to its tokens and the staking mode in products, is around U$ 40 billion. The so-called Total Blocked Value (TVL) over the month of February, reached a peak of U$ 45 billion.

defi02.jpg

Forbes

The great asset of DeFi, is to work with projects that are dedicated to providing a breadth in relation to the diversity of ideas that are more accessible for those who want to invest in their products. This segment focus creates a very promising and exciting scenario to warm up the financial sector, and feed people's desire for a possible willingness to bet on new opportunities (especially those that are long-term).

Constant innovations surround the DeFi territory on all sides and this makes decentralized finance more open to all products that want to be part of this sphere, thus creating a kind of vicious circle as an extremely positive chain reaction within of the essence that drives blockchain technology in all its roots (which are becoming more and more permanent).


¿Quién es el dueño del trono? DeFi.

Dentro del mercado de las criptomonedas, el sector que ha estado creciendo a un ritmo rápido y que ha generado un buzz en torno a todo lo que es capaz de hacer es DeFi. Según una encuesta realizada por The Block, los datos revelan que las finanzas descentralizadas aportan los mejores números exponenciales de popularización y accesibilidad en este segmento multifacético, que es uno de los brazos más fuertes de la tecnología blockchain.

Las posibilidades de crear nuevos proyectos y las oportunidades de beneficios que este campo puede ofrecer / generar es inmensa, y por eso, el resultado de esta investigación es tan importante. Los tokens nativos de muchos proyectos DeFi tuvieron un crecimiento más lineal, especialmente en relación a los precios, este año. Además, los proyectos financieros mostraron una tendencia de expansión continua, como es el caso de Aave y Sushi (que recientemente tuvieron ganancias de 4x y 6x sus tokens, respectivamente).

No solo han aumentado los valores de los tokens Defi, sino también el uso de productos que se han creado en base a esta opción en los últimos dos meses. En promedio, los valores que tiene el segmento DeFi en relación a sus tokens y el modo de staking en productos, ronda los U$ 40 mil millones. El denominado Valor Total Bloqueado (TVL, en inglés) durante el mes de Febrero alcanzó un pico de U$ 45 mil millones.

El gran activo de DeFi, es trabajar con proyectos que se dediquen a brindar una amplitud en relación a la diversidad de ideas que sean más accesibles para quienes quieran invertir en sus productos. Este enfoque de segmento crea un escenario muy prometedor y emocionante para calentar el sector financiero y alimentar el deseo de las personas de una posible disposición para apostar por nuevas oportunidades (especialmente aquellas que son de largo plazo).

Las innovaciones constantes rodean el territorio DeFi por todos lados y esto hace que las finanzas descentralizadas estén más abiertas a todos los productos que quieran ser parte de esta esfera, creando así una especie de círculo vicioso como una reacción en cadena extremadamente positiva dentro de la esencia que impulsa la tecnología blockchain en todas sus raíces (que son cada vez más permanentes).


Quem é o dono do trono? DeFi.

Dentro do mercado das criptomoedas, o setor que vem crescendo em um ritmo acelerado e alimentando o buzz em torno de tudo o que ele é capaz de fazer, é o DeFi. Segundo uma pesquisa feita pelo The Block, os dados revelam que as finanças descentralizadas trazem os melhores números exponenciais para a popularização e para a acessibilidade nesse segmento multifacetado, que é um dos braços mais fortes da tecnologia blockchain.

As possibilidades de criar novos projetos e as oportunidades de benefícios que esse campo pode oferecer / gerar é imensa, e por causa disso, o resultado dessa pesquisa é tão importante. Os tokens nativos de muitos projetos DeFi tiveram um crescimento, principalmente em relação a preços, mais linear este ano. Além do mais, os projetos financeiros apresentaram uma tendência de expansão contínua, com é o caso da Aave e da Sushi (que recentemente tiveram ganhos de 4x e 6x seus tokens, respectivamente).

Não apenas os valores dos tokens Defi aumentaram, mas também o uso dos produtos que são criados com base nesta opção nos últimos dois meses. Em média, os valores que o segmento DeFi tem em relação aos seus tokens e a modalidade de staking em produtos, gira em torno de U$ 40 bilhões. O chamado Valor Total Bloqueado (TVL, em Inglês) ao longo do mês de Fevereiro, chegou a atingir o pico de U$ 45 bilhões.

O grande trunfo do DeFi, é trabalhar com projetos que se dedicam a proporcionar uma amplitude em relação à diversidade de ideias que são mais acessíveis para quem quer investir nos seus produtos. Esse foco do segmento cria um cenário muito promissor e instigante para aquecer o setor financeiro, e alimentar o desejo das pessoas quanto a uma possível vontade de apostar em novas oportunidades (especialmente aquelas que são de longo prazo).

Constantes inovações cercam o território DeFi por todos os lados e isso faz com que as finanças descentralizadas tenham um processo mais aberto a todos os produtos que querem fazer parte dessa esfera, criando assim, uma espécie de círculo vicioso como uma reação em cadeia extremamente positiva dentro da essência que move a tecnologia blockchain em todos as suas raízes (que estão sendo cada vez mais permanentes).